Equipamento para análise microscópica e computorizada de Nevos (“Sinais”) permitindo um diagnóstico precoce, vigilância periódica ou indicação para cirurgia.

É ainda utilizada como ajuda ao diagnóstico e acompanhamento da evolução doutras dermatites, inclusive patologia capilar e ungueal.


A dermatoscopia digital computorizada permite o mapeamento dos sinais (nevos) e digitalização, em diferentes ampliações, para posterior comparação de eventuais alterações. É utilizada frequentemente nos exames de rastreio de cancro da pele. Está indicada em pessoas com múltiplos nevos, sobretudo atípicos, pois permite follow-up rigoroso e pode permitir o diagnóstico precoce do melanoma por alteração de nevo pré-existente ou detecção de lesão pigmentada de novo. Permite ainda diagnósticos precoces e com maior sensibilidade do carcinoma basocelular e de outras neoplasias.
É ainda utilizada para auxílio de diagnóstico e acompanhamento terapêutico de múltiplas dermatoses.